Prefeitura define retorno gradual das aulas em 1º de fevereiro

Segundo Governo do Estado, nenhum caso de transmissão de Covid-19 foi registrado nas 2.800 escolas que retornaram com aulas presenciais desde setembro de 2020

0

A Prefeitura de Bragança Paulista, através da Secretaria Municipal de Educação, definiu nesta quarta-feira (13/01) o retorno gradual das aulas a partir de 1º de fevereiro. Pela manhã, o Prefeito Jesus Chedid, o Vice-Prefeito Amauri Sodré e o Secretário Municipal de Educação em Exercício, Sérgio José Fagundes Júnior, participaram de uma audiência virtual com o Governador João Doria, o Vice-Governador Rodrigo Garcia, e os Secretários de Estado de Educação, Rossiele Soares, e de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, para alinhar a volta às aulas em 2021 e o apoio aos municípios paulistas na primeira infância.

No início da reunião virtual, que contou com a participação de mais de 500 prefeitos do Estado de São Paulo, os Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e de Educação, Rossiele Soares, afirmaram que a educação é vista pelo Governo do Estado como prioridade.

O Governador João Doria afirmou, em sua participação, que todas as ações são precedidas pelo Centro de Contingência do Coronavírus. “Essa retomada é baseada em experiências internacionais, países que são referências para as decisões do Governo do Estado de São Paulo”, disse o Governador.

De acordo com a Secretaria Estadual de Educação, desde a abertura de mais de 2.800 escolas, em 8 de setembro de 2020, não houve registro de casos de transmissão em ambiente escolar.

Na Educação Básica, o retorno gradual da volta às aulas será de acordo com o que determina o Plano São Paulo. Nas fases vermelha (1) e laranja (2) estão permitidas as presenças de até 35% dos alunos em sala de aula; na fase amarela até 70% e na fase verde até 100% dos alunos. Os protocolos de segurança devem ser cumpridos em todas as fases. Já as instituições de ensino superior, poderão funcionar na fase amarela com até 35% das matrículas, e na fase verde, com até 70%. Nas etapas vermelha e laranja, elas não estão autorizadas a funcionar.

O Prefeito Jesus Chedid destacou a importância da volta às aulas com toda a segurança aos alunos, professores e demais profissionais da Educação. “Bragança voltará às aulas gradativamente, de acordo com o cronograma do Estado, a partir de 1º de fevereiro. A Prefeitura está preparada para isso. A Secretaria de Educação já tem todos os equipamentos necessários para os funcionários, professores e alunos. É um trabalho efetivo da nossa equipe”, afirmou o Prefeito. “Devemos ouvir os cientistas e os médicos e nos prevenir. Não podemos privar os alunos de ter aula”, finalizou o Prefeito.

O Vice-Prefeito Amauri Sodré destacou a importância do Estado realizar essa reunião com os municípios para orientar como deve ser a volta às aulas. “É mais seguro o aluno estar na sala de aula do que na rua”, afirmou.

O Secretário Municipal de Educação em Exercício, Sérgio Fagundes, afirmou que a pasta está preparada para a volta às aulas, com todos os EPI’s necessários para funcionários, professores e alunos. “Teremos a volta gradual, ou seja, mantendo o distanciamento que é essencial nesse momento. Importante ressaltar aquilo que o Governo disse há pouco: não houve nenhum registro de infecção nas escolas do Estado de São Paulo que retornaram com aulas. Outro ponto destacado pelo Governo, baseando em estudos científicos, é que a taxa de transmissão por crianças é muito baixa”, afirmou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here