Secretaria da Educação orienta sobre o perigo do “Desafio da Rasteira”

0

A Secretaria Municipal de Educação, preocupada não só com a segurança, saúde e bem estar dos alunos da Rede Municipal, mas com todas as crianças e jovens do município, vem informar para pais, alunos, professores, funcionários e comunidade em geral sobre os cuidados com as crianças e adolescentes após os decorrentes casos do “Desafio da Rasteira”, que acabou viralizando por meio de vídeos em diversas escolas do Brasil e do mundo repassando alguns esclarecimentos sobre a “BRINCADEIRA DO MOMENTO”, entre jovens e crianças que pode trazer séria sequelas ou até mesmo levar a morte.

A “brincadeira” acontece em trio, e a pessoa que está no meio é derrubada após pular, caindo de costas para o chão, recebendo grande impacto na cabeça e na coluna. Isso pode causar sérios danos à saúde como traumatismo craniano, paralisia e levar até a morte. Na maioria das vezes as crianças e adolescentes que entram nessa “brincadeira” o fazem por ingenuidade, pois, não tem noção do perigo que estão colocando o amigo, por isso a importância da Escola conhecer e conversar com os alunos sobre esse assunto.

Diversas campanhas estão sendo divulgadas pelo Brasil, e é importante os pais estarem por dentro e orientarem os filhos sobre o perigoso desafio, bem como a orientação de educadores e responsáveis. Acompanhar e informar sobre a gravidade pode prevenir a ocorrência de novas vítimas.

ORIENTAÇÃO

A ação preventiva será realizada devido aos diversos vídeos que circulam nas redes sociais. Como forma de conscientizar os alunos, os educadores serão orientados a realizar atividades dentro das salas de aula e incentivarão o diálogo entre todas as partes para que os estudantes tenham informações sobre os problemas causados por esta brincadeira e evitem a participação, preservando a integridade física de todos envolvidos seja no ambiente escolar ou em casa.

A ORIGEM

O “desafio da rasteira” viralizou após o youtuber Robson Calabianqui dar uma rasteira na própria mãe e postar na internet. Muitos acharam divertido e começaram a repetir, mas especialistas alertam que a perigosa brincadeira pode até levar à morte.

Diante da repercussão negativa, o youtuber, que é conhecido como Fuinha e tem mais de 2 milhões de seguidores, retirou o vídeo do ar e fez um pedido de desculpas publicamente.

“O vídeo, até certo ponto, parece engraçado, mas vocês sabiam que eu poderia ter perdido a minha mãe por causa desta brincadeira? Ela poderia ter batido a cabeça e sofrido um traumatismo craniano ou qualquer uma outra lesão irreversível para a vida dela. Por conta disso, estou muito arrependido por ter postado esse vídeo. Em nenhum momento eu pensei que ele seria um viral dessa proporção”, afirmou Fuinha.

“Como influenciador, eu errei. Como humorista, eu falhei. Eu peço desculpas para todos vocês. Então quero pedir de coração que não propaguem esse vídeo”, acrescentou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here